PORTUGAL: Capelinha das Aparições vai estar no centro da iniciativa internacional da AIS de oração das crianças pela paz

É já quarta-feira, 18 de Outubro, que a Capelinha das Aparições, em Fátima, vai acolher crianças a rezar o Terço pela paz. Esta é uma iniciativa internacional da Fundação AIS, que reúne todos os seus 23 secretariados, e tem como objectivo juntar um milhão de crianças em oração. No ano passado, em 80 países, foram quase 872 mil. E este ano, com a guerra na Terra Santa e também na Ucrânia, como será?

Todos os 23 secretariados internacionais da Fundação AIS estão mobilizados para a grande jornada de oração do Terço com as crianças que vai ter lugar quarta-feira, dia 18 de Outubro.

O evento tem vindo a mobilizar, de ano para ano, cada vez mais crianças e jovens em mais países, o que está a transformar esta iniciativa da fundação pontifícia já num marco internacional, sempre que se fala em oração do Terço e em crianças. A isso, seguramente, não será alheio o facto de o próprio Papa Francisco ter falado nesta iniciativa e ter apelado para que as crianças rezassem pela paz, ajudando na promoção deste evento.

Ainda no ano passado, o Santo Padre referiu-se expressamente à Fundação Ajuda à Igreja que Sofre por querer juntar 1 milhão de crianças “numa mesma prece pelo fim de todas as guerras, mas com o pensamento virado em primeiro lugar para o conflito na Ucrânia, em plena Europa”.

Obrigado a todos os meninos e meninas que vão participar! Juntemo-nos a eles e confiemos à intercessão de Nossa Senhora o povo mártir da Ucrânia e os outros povos que sofrem com a guerra e todas as formas de violência e miséria”

Também no ano anterior, 2021, Francisco envolveu-se pessoalmente na mobilização do mundo católico para esta iniciativa da Fundação AIS, lembrando a importância de todos se unirem aos mais novos numa mesma súplica pela paz. Na ocasião, o Papa disse “encorajar” a Fundação AIS para a mobilização dos crentes nas “paróquias, escolas e famílias”.

“Todas as guerras…”

Apesar de este ser um evento internacional, a Capelinha das Aparições, em Fátima, vai ser naturalmente o centro espiritual desta iniciativa, pois foi lá que Nossa Senhora apareceu a três crianças e a quem pediu que rezassem o Terço pela paz e pela conversão dos pecadores.

O Altar do Mundo vai ser assim, e uma vez mais, um dos lugares mais simbólicos, um ponto central mesmo nesta jornada de oração que ocorre num tempo de profunda insegurança e incerteza a nível global. Como já explicou a directora da Fundação AIS em Portugal, “no dia 18, as crianças de todo o mundo vão dizer que querem paz, que querem o fim de todas as guerras, que querem viver num mundo onde não haja tanta violência nem sofrimento”.

“Todas as guerras vão estar no centro da oração do Terço com as crianças”, disse ainda Catarina Martins de Bettencourt, lembrando que “além do conflito na Ucrânia, e agora na Terra Santa, há imensos países que vivem a angústia do terrorismo, de combates entre grupos armados, de uma violência sem fim”. Por tudo isto, “será impossível ignorar a voz das nossas crianças que vão estar unidas em oração, em todas as línguas, em inúmeros países, a rezar o Terço pela paz no mundo”, acrescentou a responsável.

O mundo mudará…

Em Portugal, a jornada de oração do Terço com as crianças vai acontecer em várias dioceses, e inúmeras paróquias, escolas e grupos de jovens, mas terá o seu ponto central na Capelinha das Aparições, às 18:30 horas, e contará com a participação do Cardeal D. António Marto, bispo emérito de Leiria-Fátima, que presidirá, pela quarta vez, a esta iniciativa da Fundação AIS.

A oração do Terço terá transmissão em directo para todo o país através da Rádio Maria e Rádio Canção Nova, e também pela televisão com a TV Canção Nova. Haverá ainda uma emissão global através das redes sociais. Aliás, são várias as entidades e organizações que se estão a associar à Fundação AIS em Portugal para a realização desta iniciativa.

Além do Santuário de Fátima e do Apostolado Mundial de Fátima, a AIS conta já com a parceria da Rede Mundial de Oração do Papa, da Agência Ecclesia, da Rádio Maria, da Rádio e TV Canção Nova.

Para apoio a todos os que pretendem organizar localmente um momento de oração com as crianças, e à semelhança do que tem ocorrido em anos anteriores, no site da Fundação AIS está disponível o acesso a materiais de apoio para paróquias, escolas, grupos de crianças e famílias.

O objectivo é simples: ter um milhão de crianças a rezar o Terço, porque isso pode mudar o mundo… No ano passado foram contabilizadas quase 872 mil. E este ano, com a guerra na Terra Santa e também na Ucrânia, como será?

Paulo Aido | Departamento de Informação da Fundação AIS | info@fundacao-ais.pt

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *


The reCAPTCHA verification period has expired. Please reload the page.

Relatório da Liberdade Religiosa

No período em análise não se registaram casos significativos de discriminação por motivos religiosos nem abusos da liberdade religiosa que pudessem ser imputáveis ao Estado ou a outras entidades governamentais. Além disso, certos fenómenos nas sociedades ocidentais chegaram a Portugal, nomeadamente a progressiva marginalização da religião na vida pública e a legalização de certas práticas, como a eutanásia, que são contrárias aos princípios de várias religiões.

PORTUGAL

918 125 574

Multibanco

IBAN PT50 0269 0109 0020 0029 1608 8

Papa Francisco

“Convido-vos a todos, juntamente com a Fundação AIS, a fazer, por todo o mundo, uma obra de misericórdia.” 
PAPA FRANCISCO

© 2022 Fundação AIS | Todos os direitos reservados.