Fundação de Ajuda à Igreja que Sofre - Fundação AIS
Rua Professor Orlando Ribeiro, 5D 1600-076 Lisboa, Portugal
(+351) 217544000 apoio@fundacao-ais.pt Fundação AIS 1995
Lisboa
https://fundacao-ais.pt/uploads/seo/big_1585926010_1526_logo-jpg
15 10
505152304

Projectos

PERU: Apoio a 26 irmãs religiosas na Arquidiocese de Huancayo, nos Andes

Apoiar Projecto
26 setembro 2022
PERU: Apoio a 26 irmãs religiosas na Arquidiocese de Huancayo, nos Andes
São 26 as religiosas de oito congregações diferentes que trabalham na Arquidiocese de Huancayo, no alto dos Andes peruanos. Aqui nesta vasta região de cerca de 15.100 km² não há mais de 743.000 habitantes, cerca de 71,5% dos quais são católicos. Consequentemente, cada padre da diocese tem de dar assistência a uma média de mais de 8000 fiéis, espalhados por uma vasta área.

As irmãs trabalham sobretudo entre os habitantes das regiões rurais, a maioria dos quais vive em extrema pobreza, mal conseguindo viver da criação de gado e da agricultura. As casas em que vivem são construídas ao estilo tradicional “quincha”, de barro e canas, e em muitos lugares não existem sequer as infra-estruturas mais básicas. Além disso, as irmãs têm de percorrer longas distâncias em estradas de terra batida e caminhos, simplesmente para chegar aos fiéis.

No entanto, o Cardeal Pedro Ricardo Barreto Jimeno, Arcebispo de Huancayo, está muito satisfeito com o trabalho das irmãs e pediu-nos que as apoiássemos. Ele diz-nos: "Há falta de vocações. Temos cada vez menos vocações e, consequentemente, menos padres e religiosos. Huancayo é um vasto território e os padres que temos simplesmente não podem cobrir tudo. Esta situação significa que as pessoas nas comunidades mais remotas, onde os padres não se podem deslocar, se sentem insatisfeitas e abandonadas. Além disso, há seitas nestas áreas que conquistam cada vez mais adeptos e se aproveitam da pobreza do povo. As nossas irmãs concentram os seus cuidados e actividades nestes lugares, onde os padres não estão regularmente disponíveis. Passam dois ou três dias em cada comunidade, trazendo ao povo esperança e alegria, vivendo ao seu lado e partilhando a realidade das suas vidas, a fim de os encorajar e ensinar a Palavra de Deus através do seu exemplo de vida. O trabalho das irmãs é muito apreciado, mas elas não têm os recursos financeiros para cobrir as suas próprias despesas."



Entre outras actividades, as irmãs preparam as crianças, os jovens e os adultos para os sacramentos, ensinam-lhes a fé, apoiam e acompanham as famílias, e cuidam dos doentes. Elas apoiam estas pessoas em todas as suas necessidades espirituais, psicológicas e materiais. Para que possam continuar este inestimável apostolado, propomo-nos ajudá-las com um apoio básico no valor total de 10.870 €. Vai ajudar-nos?


Apoie este projecto

O seu donativo irá apoiar este ou outro projecto semelhante.

Comentários

Deixar um comentário
Os campos assinalados com * são de preenchimento obrigatório.

Histórias de Sucesso



O vosso amor ...

Migalhas dadas com muito amor

"Agradecimento ao Senhor pelo amor que nos tem, pela fé e pela comunhão que existe entre os homens que sentem e vivem o sofrimento dos outros. As notícias que a Fundação AIS nos dá todos os meses, fazem-nos estremecer. O filme que nos é apresentado inquieta-nos, ajuda-nos a descobrir Jesus Cristo no outro, e como ele sofre, não tem pão, está doente, marginalizado, comercializado, transacionado como se fosse um objeto. O grupo dos amigos da AIS de Ribeira dos Frades envia mais um cheque que vai junto com as nossas orações, são migalhas dadas com muito amor. Pedimos ao Senhor da Messe que vos ilumine, que envie o seu Espírito sobre a AIS, seus dirigentes e benfeitores, e a todos os homens de boa vontade."

Um grupo de benfeitores de Portugal
Os cookies ajudam-nos a oferecer os nossos serviços. Ao utilizar a nossa página, concorda com a nossa política de cookies.
Saiba Mais