Fundação de Ajuda à Igreja que Sofre - Fundação AIS
Rua Professor Orlando Ribeiro, 5D 1600-076 Lisboa, Portugal
(+351) 217544000 apoio@fundacao-ais.pt Fundação AIS 1995
Lisboa
https://fundacao-ais.pt/uploads/seo/big_1585926010_1526_logo-jpg
15 10
505152304

Histórias de Sucesso

REP. DEM. CONGO: um veículo para as Irmãs Clarissas em Mbuji-Mayi

Apoiar Projecto
21 março 2022
REP. DEM. CONGO: um veículo para as Irmãs Clarissas em Mbuji-Mayi
"Mamu wa Bupole" - "Nossa Senhora da Paz" - este é o nome do convento das Irmãs Clarissas, em Mbuji-Mayi. A paz é algo de que a República Democrática do Congo necessita urgentemente. Pois, muitas zonas do país ainda são atormentadas por conflitos armados, com grupos rebeldes envolvidos em constante mudança. O país é quatro vezes o tamanho de França e é abençoado com ricas fontes minerais, incluindo ouro, diamantes, minérios valiosos e reservas de petróleo. No entanto, a maioria dos seus 89,5 milhões de habitantes vive numa pobreza profunda.

As Irmãs Clarissas, que levam uma vida rigorosa de oração e penitência no isolamento do seu recinto conventual, continuam a rezar pela paz no seu país e em todo o mundo. Trazem as necessidades de toda a humanidade perante Deus. "Através das nossas orações, estamos a apoiar os membros do corpo de Cristo que sofrem", dizem. Nunca abandonam o convento, excepto por razões inevitáveis, principalmente para fins educativos e de tratamento médico ou por necessidade vital para a comunidade. Mas também respondem às muitas pessoas que vêm bater diariamente às portas do seu convento, ajudando-as e apoiando-as. E às vezes as irmãs têm de ir buscar um médico para cuidar das suas irmãs mais idosas.

Até há pouco tempo tinham um problema com o automóvel, que utilizavam há mais de 20 anos e que agora se tinha tornado cada vez menos fiável, apresentando mesmo um perigo para as próprias irmãs e para outros utentes da estrada. No entanto, uma vez que o convento fica nos arredores da cidade, elas dependem muito dele para várias necessidades. Assim, a abadessa, Irmã Claire Marie Muenga, enviou um apelo urgente à Fundação AIS: "As nossas irmãs recorrem a vós em desespero, a contar com a vossa ajuda!" Graças à generosidade dos nossos benfeitores não as desiludimos, mas conseguimos enviar-lhes 28.900 €, que lhes permitiu comprar um veículo robusto e fiável. As Clarissas estão muito felizes e a abadessa escreve em nome de todas: "Um sincero obrigada do coração pela vossa ajuda! Prometemos rezar por vós!"

Comentários

Deixar um comentário
Os campos assinalados com * são de preenchimento obrigatório.

Consignação Fiscal

Os cookies ajudam-nos a oferecer os nossos serviços. Ao utilizar a nossa página, concorda com a nossa política de cookies.
Saiba Mais