Fundação de Ajuda à Igreja que Sofre - Fundação AIS
Rua Professor Orlando Ribeiro, 5D 1600-076 Lisboa, Portugal
(+351) 217544000 apoio@fundacao-ais.pt Fundação AIS 1995
Lisboa
https://fundacao-ais.pt/uploads/seo/big_1585926010_1526_logo-jpg
15 10
505152304

Histórias de Sucesso

ÍNDIA: Início dos trabalhos num lar para padres doentes e reformados na Diocese de Jagdalpur

Apoiar Projecto
4 abril 2022
ÍNDIA: Início dos trabalhos num lar para padres doentes e reformados na Diocese de Jagdalpur
Há 110 sacerdotes a trabalhar activamente na Diocese de Jagdalpur, no estado de Chhattisgarh, no centro da Índia. O seu trabalho é árduo e exige uma grande abnegação, pois exercem-no em regiões remotas e subdesenvolvidas e envolve viagens longas e difíceis. A diocese cobre uma área de cerca de 39.000 km², uma área quase do tamanho da Suíça. Dos 2,9 milhões de habitantes da região, pouco mais de 11 mil são católicos. A maioria da população pertence a minorias étnicas.

A diocese foi fundada em 1972 e os primeiros padres chegaram lá de outras regiões da Índia. Pertenciam à congregação Siro-Malabar dos Carmelitas de Maria Imaculada. Desde 1990, surgiram também várias vocações locais. Neste momento, há 15 jovens no seminário maior e 18 no seminário menor. Inspiraram-se no exemplo de outros padres, a quem testemunharam no trabalho desde a infância. "As pessoas perguntam-se porque é que os padres deixam as suas famílias e as suas regiões de origem. Podem ver que os padres não estão à procura de qualquer progresso profissional, mas simplesmente estão entre eles para servir", explica o Pe. Tijo Manjamakkil. Os sacerdotes saem e proclamam a Boa Nova do Evangelho aos pobres e marginalizados, partilhando as suas vidas duras e esforçando-se por ajudá-los, pouco a pouco, a melhorar as suas vidas, sendo, nas palavras de São Paulo, "tudo para todos" (1 Coríntios 9,22).

Muitos destes padres, que durante muitos anos carregaram nos seus ombros a vida da Igreja na região, estão agora velhos e frágeis, ou doentes e desgastados pelas duras vidas que levaram. Eles já não conseguem continuar a esforçar-se nestas aldeias remotas, mas requerem cuidados médicos e assistência. Assim, agora a diocese está a construir o lar de idosos Shalom para padres doentes e aposentados onde, após décadas de fiel serviço, eles próprios poderão agora receber a ajuda e o cuidado de que necessitam.

Graças à generosidade dos nossos benfeitores, pudemos contribuir com 30.000 € para o custo deste projecto – e agora a pedra basilar foi finalmente lançada e os trabalhos de construção começaram. A todos os que ajudaram, os nossos sinceros agradecimentos!

Comentários

Deixar um comentário
Os campos assinalados com * são de preenchimento obrigatório.

Consignação Fiscal

Os cookies ajudam-nos a oferecer os nossos serviços. Ao utilizar a nossa página, concorda com a nossa política de cookies.
Saiba Mais