Fundação de Ajuda à Igreja que Sofre - Fundação AIS
Rua Professor Orlando Ribeiro, 5D 1600-076 Lisboa, Portugal
(+351) 217544000 apoio@fundacao-ais.pt Fundação AIS 1995
Lisboa
https://fundacao-ais.pt/uploads/seo/big_1585926010_1526_logo-jpg
15 10
505152304

Notícias

NIGÉRIA: Três mortos e cerca de 40 sequestrados é o balanço de um novo ataque a igreja durante uma missa

22 junho 2022
NIGÉRIA: Três mortos e cerca de 40 sequestrados é o balanço de um novo ataque a igreja durante uma missa
Três mortos e cerca de quarenta pessoas sequestradas, é o balanço, ainda provisório, de mais um ataque por homens armados a uma Igreja Católica na Nigéria. O alvo, desta vez, foi a Igreja de São Moisés, em Robuh, no estado de Kaduna. Relatos divulgados na imprensa local dão conta de que foi atacada não só a Igreja Católica, durante a celebração da missa no domingo passado, dia 19 de Junho, como também uma igreja evangélica situada na mesma localidade.

O balanço, ainda provisório, aponta, segundo a Agência Fides, para três mortos e um número indeterminado de feridos que foram levados para um hospital local. Há ainda cerca de quatro dezenas de pessoas sequestradas pelos homens armados que atacaram também outras localidades na região.

Robuh já tinha sido palco de um ataque terrorista em Janeiro deste ano, pelo que os fiéis decidiram passar a celebrar a missa dominical logo às sete horas da manhã, calculando que, assim, as pessoas conseguiriam chegar a suas casas mais cedo e estariam mais protegidas.

Esse ataque ocorreu exactamente duas semanas depois de um massacre a outra igreja católica, a de São Francisco Xavier, situada em Owo, no estado de Ondo. Nesse ataque, no Domingo de Pentecostes, 5 de Junho, perderam a vida pelo menos 40 pessoas e várias dezenas ficaram feridas.

PA | Departamento de Informação da Fundação AIS | info@fundacao-ais.pt

Comentários

Deixar um comentário
Os campos assinalados com * são de preenchimento obrigatório.

REFUGIADOS NIGÉRIA


Observatório do país

Os cookies ajudam-nos a oferecer os nossos serviços. Ao utilizar a nossa página, concorda com a nossa política de cookies.
Saiba Mais