Fundação de Ajuda à Igreja que Sofre - Fundação AIS
Rua Professor Orlando Ribeiro, 5D 1600-076 Lisboa, Portugal
(+351) 217544000 apoio@fundacao-ais.pt Fundação AIS 1995
Lisboa
https://fundacao-ais.pt/uploads/seo/big_1585926010_1526_logo-jpg
15 10
505152304

Multimédia

Todos sofreram com este conflito

Desde 2013 que uma guerra civil tem vindo a devastar a República Centro-Africana.

Ao telefone com D. Juan Jose Aguirre Muñoz, Bispo de Bangassou, na República Centro-Africana
"Todos sofreram com este conflito. Muçulmanos, Protestantes, Católicos. As decisões políticas criaram uma ruptura entre os Muçulmanos e os não-Muçulmanos. Criaram confusão em todo o lado, incluindo derramamento de sangue e violência. Estávamos sentados em casa e vimos rebeldes a entrar na aldeia. Muitas pessoas foram mortas sem motivo. Mataram o meu pai e deitaram o seu corpo no riacho. É por isso que precisamos de ajuda para sair desta situação difícil, para seguir em frente e criar um futuro melhor. Acreditar em Deus é saber perdoar os outros. Cristãos e Muçulmanos participam na formação. A formação é para aqueles que pertenciam a grupos armados. Queríamos arranjar emprego para estes jovens, para os ajudar a reintegrar-se na sociedade. Gostaria de aproveitar esta oportunidade para agradecer à Ajuda à Igreja que Sofre por tudo o que fizeram por nós aqui em Bangassou e na África Central. Infelizmente, a República Centro-Africana é o segundo país mais pobre do mundo. Por isso, ainda precisamos da vossa ajuda. Qualquer ajuda."

Ajudem-nos a curar as feridas do extremismo religioso
Saiba +
https://bit.ly/CurarFeridasAfrica
#ACN #Curar #Africa
Os cookies ajudam-nos a oferecer os nossos serviços. Ao utilizar a nossa página, concorda com a nossa política de cookies.
Saiba Mais